Instituto Mamirauá - Conservação na Amazônia - Programa Qualidade de Vida - https://www.mamiraua.org.br/pt-br/manejo-e-desenvolvimento/programa-qualidade-de-vida/

Instituto de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá

Manejo e Desenvolvimento

Rafael Forte

Programa Qualidade de Vida

Programa Qualidade de Vida

 

As ações deste programa têm o propósito de contribuir para a melhoria das condições de vida, no âmbito da educação, saúde e saneamento, de moradores das Reservas de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá e Amanã. A abrangência do programa também se estende aos usuários das reservas, aqueles que estão fora dos limites geográficos das unidades de conservação, mas usam os recursos naturais e participam das tomadas de decisão. O fortalecimento dessas atividades contribui para estimular políticas públicas de saúde e tecnologias sociais.

Um dos indicadores que motivaram inicialmente as ações do programa foram as altas taxas de mortalidade infantil, geralmente relacionadas aos baixos níveis de condições de vida, principalmente de saúde. A redução desses índices exige a continuidade das ações educativas para a saúde comunitária e da família, além de investimentos em infraestrutura voltados para a disposição adequada de dejetos humanos, sistema de abastecimento e tratamento de água e uso de energias alternativas para iluminação domiciliar e comunitária.

 

      
© Rafael Forte

 

Objetivos

- Promover capacitações para os agentes de saúde comunitários sobre os cuidados com a saúde da família e para as parteiras tradicionais com orientações sobre pré-natal, parto e puerpério.
- Implementar ações de atenção integral à saúde da mulher, de adolescentes e de jovens.
- Implantar e monitorar sistemas de abastecimento e tratamento de água, de energia alternativa e destinação de dejetos em comunidades das Reservas de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá e Amanã.
- Produzir e/ou adaptar tecnologias para as atividades de produção doméstica e comunitária.
- Disseminar o uso de tecnologias sociais que visem à qualidade de vida de populações ribeirinhas.
- Implementar material didático com aplicação de ferramentas para o desenvolvimento da transversalidade, voltados para o meio ambiente.
- Incentivar na prática pedagógica o processo de sensibilização para a necessidade de conservação dos recursos naturais.
- Fortalecer parcerias com instituições governamentais e não governamentais para elaboração de políticas públicas de desenvolvimento para saúde, saneamento e geração de energia em localidades rurais.

Linhas de atuação

- Saúde comunitária: são promovidas ações de educação para saúde através de campanhas e palestras sobre destino dos dejetos, lixo e água; aproveitamento de alimentos, oficina de segurança alimentar e tratamento, armazenamento de água; oficinas sobre doenças de veiculação hídrica; palestras sobre Higiene pessoal, alimentos, lar e meio ambiente; cursos para a capacitação de parteiras tradicionais e profissionais de saúde; bem como cursos de atenção integral à saúde da mulher, de adolescentes e de jovens para agentes de saúde comunitários.
- Tecnologias sociais: construção de fogão e forno ecológico; instalação de sistema de bombeamento e abastecimento de água com energia solar; instalação de sistemas fotovoltaicos domiciliares e o acompanhamento, monitoramento e avaliação das tecnologias implementadas em comunidades ribeirinhas são ações do programa. Também são realizadas palestras sobre fontes de energias e mudanças climáticas; além da promoção de cursos de capacitação em instalação e gestão de Tecnologias Sociais.
- Educação: em 2011, o programa iniciou atividades de acompanhamento pedagógico através da produção e aplicação de material didático sobre temas de educação ambiental para utilização nas escolas rurais e urbanas. A linha tem atuado com a capacitação de professores do Ensino Médio e Fundamental para o ensino e exercício da Educação Ambiental como um componente curricular, partindo do princípio de que essa educação, na sua essência, significa "cuidar" e "se cuidar".

Resultados

- O Programa Qualidade de Vida executa ações, em parceria e também com apoio financeiro de agências governamentais e não-governamentais. As ações do programa contribuem para desenvolver indicadores de qualidade de vida para populações rurais ribeirinhas e implementar políticas públicas de desenvolvimento sustentável na região. Além disso, suas ações de educação proporcionam aos professores e estudantes novas metodologias de aprendizado, com ênfase nos aspectos socioambientais da região amazônica. E as ações de saúde e saneamento estimulam a diminuição da ocorrência de enfermidades relacionadas ao uso e ingestão de águas contaminadas e promove capacitação e orientação para a organização de parteiras tradicionais que atuam nas comunidades rurais das Reservas e seu entorno.
- Em 2012, o Programa Qualidade de Vida venceu o Prêmio FINEP de Inovação, na categoria tecnologia social, com o projeto Sistema de Abastecimento de Água.
- Em 2014, foi finalista do Desafio de Impacto Social Google Brasil com o projeto "Gelo Solar", tendo sido premiado com recursos da ordem de 500 mil reais para implementação da proposta. 

Parcerias

O Programa de Qualidade de Vida tem parcerias com a ONG IDEAAS e com o Instituto de Energia e Ambiente da Universidade de São Paulo.

Fonte: Programa Qualidade de Vida

 

Financiadores