Instituto Mamirauá - Conservação na Amazônia - Instituto Mamirauá participa de evento sobre acesso à energia elétrica em comunidades remotas na Amazônia - https://www.mamiraua.org.br/pt-br/comunicacao/noticias/2018/9/14/instituto-mamiraua-participa-de-evento-sobre-acesso-a-energia-eletrica-em-comunidades-remotas-na-amazonia/

Instituto de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá

Notícias

Rafael Forte

Instituto Mamirauá participa de evento sobre acesso à energia elétrica em comunidades remotas na Amazônia

14/09/2018


Workshop acontece até essa sexta-feira,14/09, em Belém. Instituto Mamirauá mostra experiências com tecnologias sociais na região

Energia elétrica o dia inteiro para as atividades aparentemente mais cotidianas, como usar a geladeira ou assistir televisão, é uma realidade distante para muita gente na Amazônia. Longe dos centros urbanos, comunidades ribeirinhas dispõe de poucas horas diárias de eletricidade, alimentadas por geradores movidos a combustível, para dar conta de atividades essenciais. Nessas áreas, onde os sistemas convencionais de distribuição de energia não chegam, a geração de fontes alternativas e locais é uma prioridade.

Esse é o tema do “Workshop Off-Grid Microgrids Workshop: for the Electrification of Remote Communities”, realizado em Belém, de 10 a 14 de setembro. Promovido pela Universidade Federal do Pará (UFPA), o British Council e a Cardiff University, o evento reúne organizações que atuam para o acesso à energia elétrica em áreas remotas da Amazônia.

O Instituto Mamirauá mostrou um panorama de experiências com tecnologias sociais para melhoria de qualidade de vida de populações locais, especialmente um sistema de tratamento de água com uso de energia solar.

“A participação do Instituto Mamirauá no evento é essencial para demonstrar as diversas ações em termos de projetos de pesquisa e desenvolvimento em territórios da Amazônia, demonstrando a realidade local e os desafios enfrentados, tanto pelas instituições que atuam nesse território e principalmente as populações locais”, afirma o técnico Felipe Pires, que representou o Instituto Mamirauá no workshop.

“Os resultados das ações do Instituto Mamirauá possuem grande impacto e, através dessas parcerias internacionais, podemos fortalecer e criar novas redes, captando recursos e desenvolver novos projetos, com instituições que visam contribuir para a conservação da biodiversidade e melhoria da qualidade de vida das populações locais da Amazônia”, complementa Felipe Pires.

O Instituto Mamirauá é uma unidade de pesquisa do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC).

De acordo com Sam Williamson, especialista em engenharia elétrica da Universidade de Bristol e um dos orgazinadores do evento, o workshop "é uma oportunidade para os pesquisadores se conhecerem e também conhecerem nossos projetos e propostas de parcerias futuras em trabalhos e pesquisas. Visitamos comunidades ao redor de Belém, o que deu um contexto real sobre as questões relacionadas à eletrificação dessas comunidades. Estou realmente ansioso pelas futuras colaborações que sairão a partir daqui!"

Texto: João Cunha

 

Financiadores