Tecnologias Sociais

Cevaciclo

Essa tecnologia social foi desenvolvida com o objetivo de criar alternativa às famílias no processamento da mandioca para produção de farinha. É uma tecnologia de baixo custo, de simples reaplicação, além de fácil operacionalização e de não agredir o meio ambiente. Para construção de um cevaciclo os materiais principais são: uma estrutura de ferro galvanizada, dimensões da bancada e cadeira e um aro completo de bicicleta.

A tecnologia possui muitas vantagens como, maior eficiência no processo de cevar a mandioca, quando comparada ao ralo feito de chapa, que é um equipamento rústico, de produção lenta e com alto risco de acidente. Também é mais econômica que o motor à gasolina, que geralmente é doado pelas prefeituras, e torna-se inviável, pois depende de gasolina, óleo lubrificante, vela e algumas chaves para fazer manutenção, necessitando de recursos, que nem sempre estão ao alcance das famílias.

Realização

Programa Qualidade de Vida do Instituto Mamirauá e Grupo de Pesquisa Populações Ribeirinhas, modos de vida e políticas públicas na Amazônia

Apoio

Comunidades da Reserva de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá

Financiadores

Receba as novidade em seu email: