Turismo de fauna silvestre é tema de debate nessa quinta-feira (27/09), em Manaus. Instituto Mamirauá é um dos convidados do evento

Publicado em: 25 de setembro de 2018

Instituto vai compartilhar experiências com turismo de base comunitária e interação com a fauna regional. Programação é gratuita e faz parte da Semana do Turismo, realizada na capital amazonense

Rica e diversa, a fauna é um dos maiores chamarizes do turismo na Amazônia. Animais como o boto cor-de-rosa, o peixe-boi e jacarés estão no centro de serviços que atraem milhares de visitantes à região todos os anos. Mas quais os limites e cuidados que o setor turístico deve ter com esse patrimônio vivo das florestas e águas? Esse é um dos focos do “Workshop Turismo de Fauna Silvestre: oportunidades e desafios”, que acontece dentro da programação da Semana do Turismo 2018 em Manaus. O evento acontece na próxima quinta-feira (27/09), a partir das 13h, no Les Artistes Café Teatro, centro da cidade. As inscrições e a entrada são gratuitas.

Entre os pioneiros no incentivo ao turismo de base comunitária e em sintonia com a conservação ambiental, o Instituto Mamirauá compõe a lista de convidados do workshop. O coordenador do Programa de Turismo de Base Comunitária, Pedro Nassar, representa o instituto, compartilhando experiências de duas décadas de assessoria a atividades turísticas com fauna na região do Médio Solimões, Amazonas.

O Instituto Mamirauá, unidade de pesquisa do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), apoia projetos turísticos como a Pousada Uacari. Criada no final dos anos 90, a pousada é co-gerida por comunidades da Reserva Mamirauá e oferece programações que valorizam a diversidade faunística local, ao mesmo tempo que contribui com a conservação desses animais.

Um dos pacotes turísticos oferecidos pela Pousada Uacari é a “Expedição Onça-pintada” ou “Jaguar Expedition”. Durante a época de cheia dos rios na região, um número restrito de turistas acompanha pesquisadores do Instituto Mamirauá no monitoramento de onças na floresta, podendo observar os felinos no topo das árvores.

“Durante o workshop, vamos mostrar como essas atividades são feitas na Reserva Mamirauá, e que elas são tão ou até mais interessantes do que tocar propriamente nos animais. Os visitantes têm uma experiência de qualidade observando e respeitando a fauna livre”, explica Pedro Nassar.

O workshop

Junto com o Instituto Mamirauá, outras organizações especializadas em meio ambiente, fauna e conservação farão parte do workshop, como o Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA) e a Proteção Animal Mundial (World Animal Protection). O turismo responsável com animais silvestres e o turismo de observação de aves, ou birdwatching, também serão temas de debate.

“O objetivo principal do workshop é fomentar o turismo consciente e responsável com fauna silvestre na região de Manaus e arredores, buscando dessa forma erradicar a oferta turística que gera sofrimento e impacto aos animais silvestres, como por exemplo produtos que estimulam a retirada ilegal de animais da floresta e o tráfico, que exploram animais em cativeiro”, informa a organização do evento. “Lugar de animal silvestre é livre na natureza, onde podem expressar seus comportamentos naturais”

O “Workshop Turismo de Fauna Silvestre: oportunidades e desafios” e a Semana do Turismo 2018 são uma realização da Prefeitura de Manaus e daFundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (ManausCult). As ações são celebrativas ao Dia Mundial do Turismo, comemorado no dia 27 de setembro.

O Les Artistes Café Teatro está localizado na Avenida Sete de Setembro, número 377, bairro Centro, em Manaus.

Para participar dessa e outras programações da Semana do Turismo, envie um e-mail para manauscult.inscricao@gmail.com informando nome, instituição de ensino (caso haja), telefone, e-mail e a atividade que deseja participar.

Texto: João Cunha

 

Últimas Notícias

Comentários

Receba as novidade em seu e-mail: