Instituto Mamirauá participa de seminário em Tefé (AM)

Publicado em: 13 de novembro de 2013

A Secretaria Municipal de Produção e Abastecimento realizou, no dia 12 de novembro, o 2º Seminário de Mobilização e Fortalecimento das Cadeias Produtivas do Município de Tefé, no Auditório do Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam). O evento teve como objetivo construir o planejamento para o ano de 2014 das cadeias produtivas do município.

Além de outras exposições, envolvendo instituições parceiras, foram feitas as apresentações dos programas desenvolvidos pelo Instituto Mamirauá. Paula Araujo, veterinária do Programa de Manejo de Agroecossistemas, falou sobre as atividades de assessoria técnica em sistemas agroflorestais, como estratégia de diversificação da produção agrícola e integração com criação animal.

Logo após, Ana Cláudia Torres, coordenadora do Programa de Manejo de Pesca, apresentou as ações desenvolvidas pelo programa, como os acordos de pesca nas Reservas Mamirauá e Amanã. “O Instituto Mamirauá tem trabalhado os acordos de pesca como ferramentas de mediação de conflitos, disponibilizando informações e realizando treinamentos que subsidiem o manejo dos sistemas de lagos e reforcem os princípios de sustentabilidade”, disse Ana.

A capacitação e a assessoria técnica ao manejo florestal foi esplanada por Elenice Assis, coordenadora do Programa de Manejo Florestal Comunitário, que afirmou: “Quando o Instituto Mamirauá recebe uma demanda de uma comunidade que quer trabalhar com recursos madeireiros e não madeireiros, nós assessoramos desde os princípios ecológicos, aliamos o conhecimento tradicional com as pesquisas desenvolvidas pelo instituto e com isso propomos o uso sustentável dos recursos naturais”.

Membros do Programa de Gestão Comunitária também estiveram presentes. Foram abordadas as atividades de educação ambiental e a assessoria que o programa fornece para as comunidades realizarem a gestão participativa de suas áreas e dos recursos naturais. Após as apresentações, os participantes realizarem o planejamento das atividades para 2014, exposto para aprovação no final do evento.

As principais demandas das comunidades para o Instituto Mamirauá foram a necessidade de capacitação, assistência técnica periódica e apoio à organização comunitária,“aspectos que o Instituto Mamirauá vai colaborar no próximo ano”, disse Marluce Mendonça, coordenadora do Programa de Gestão Comunitária.

Texto: Francisco Rosa

 

Últimas Notícias

Comentários

Receba as novidade em seu e-mail: