Abertas as inscrições para curso de multiplicadores em manejo florestal do Instituto Mamirauá em 2018

Publicado em: 11 de dezembro de 2017

Curso vai apresentar técnicas e princípios do manejo florestal em áreas alagáveis da Amazônia. Interessados têm até o próximo dia 14 de janeiro para se inscrever

O Instituto Mamirauá abriu, nesta segunda-feira (11), as inscrições para o curso “Capacitação de Multiplicadores em Manejo Florestal Comunitário em Área de Várzea: 2ª Etapa - Exploração de Impacto Reduzido”. A formação acontece em Tefé, estado do Amazonas, e é indicada para profissionais ligados a projetos de manejo florestal em áreas protegidas da Amazônia. As inscrições vão até o próximo dia 14 de janeiro.

Unidade de pesquisa do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), o Instituto Mamirauá incentiva o manejo florestal em áreas de várzea há quase 20 anos. Para compartilhar esse conhecimento a outras regiões da Amazônia, são realizados os cursos de multiplicadores.

Nesta edição, 12 vagas serão oferecidas para analistas ambientais, gestores governamentais, técnicos de ONGs, organizações locais e prefeituras municipais interessadas em implementar técnicas de manejo florestal. Serão reservadas duas vagas à participantes de países da Pan-Amazônia (Colômbia, Peru, Venezuela, Equador, Bolívia, as Guianas e Suriname).

O curso contará com uma equipe de instrutores e técnicos experientes em ações de manejo participativo de recursos florestais. Os participantes conhecerão princípios de organização social de comunidades ribeirinhas na Amazônia, análise de custo para a atividade de manejo florestal, planejamento de comercialização de madeira manejada, exploração de impacto reduzido e segurança na atividade florestal.

As atividades teóricas e práticas acontecerão entre os dias 19 e 25 de fevereiro de 2018 na sede do Instituto Mamirauá, em Tefé, e na Reserva Mamirauá.

Inscrições

Os interessados devem enviar mensagem para o e-mail  cursomfc2018@mamiraua.org.br com os seguintes documentos: carta de intenção solicitando a inscrição e descrevendo suas atuais atividades ou aquelas relacionadas com o curso em questão; declaração de um dos dirigentes de sua organização de origem concordando com sua participação e atestando a autorização para seu afastamento pelo período do curso; cópias escaneadas de seus documentos pessoais (RG e CPF); curriculum vitae resumido; endereço profissional e residencial e uma declaração do candidato de que pode custear a sua participação no curso.

Os 12 participantes selecionados terão os seguintes custos cobertos:  taxa de inscrição, certificado, materiais didáticos, alojamento e alimentação e translado até o local do curso, na cidade de Tefé e RDS Mamirauá, nos dias do curso. Os custos de deslocamento dos participantes de seu local de origem até Tefé (ida e volta) deverão partir de suas instituições, a título de contrapartida, ou do próprio candidato.

O curso “Capacitação de Multiplicadores em Manejo Florestal Comunitário em Área de Várzea: 2ª Etapa - Exploração de Impacto Reduzido” conta com financiamento pela Fundação Gordon and Betty Moore. Confira aqui o edital do curso na íntegra: Edital do curso de capacitação de multiplicadores em manejo florestal comunitário em área de várzea_ 2ª Etapa - Exploração de Impacto Reduzido

Edição: João Cunha

Últimas Notícias

Comentários

Receba as novidade em seu email: